RENUNCIAR É PRECISO !

Meu Blog de Devaneios.

"My Love My Life"
"Voarei sem asas se preciso for para te acompanhar

Vale quanto pesa!

Leitores & Amigos

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

O Ponto Negro





Certo dia, um professor chegou na sala de aula e disse aos alunos para se
prepararem para uma prova-relâmpago.
Todos acertaram suas filas, aguardando assustados o teste que viria.
O professor foi entregando, então, a folha da prova com a parte do texto virada
para baixo, como era de costume.
Depois que todos receberam, pediu que desvirassem a folha.
Para surpresa de todos, não havia uma só pergunta ou texto, apenas um ponto
negro, no meio da folha.
O professor, analisando a expressão de surpresa que todos faziam, disse o
seguinte:

- Agora, vocês vão escrever um texto sobre o que estão vendo.

Todos os alunos, confusos, começaram, então, a difícil e inexplicável tarefa.
Terminado o tempo, o mestre recolheu as folhas, colocou-se na frente da turma e
começou a ler as redações em voz alta.
Todas, sem exceção, definiram o ponto negro, tentando dar explicações por sua
presença no centro da folha.
Terminada a leitura, a sala em silêncio, o professor então começou a explicar:

- Esse teste não será para nota, apenas serve de lição para todos nós. Ninguém
na sala falou sobre a folha em branco.
Todos centralizaram suas atenções no ponto negro. Assim acontece em nossas vida.
Temos uma folha em branco inteira para observar e aproveitar, mas sempre nos
centralizamos nos pontos negros. A vida é um presente da natureza dado a cada
um de nós, com extremo carinho e cuidado.
Temos motivos para comemorar sempre. A natureza que se renova, os amigos que se
fazem presentes, o emprego que nos dá o sustento, os milagres que diariamente
presenciamos. No entanto, insistimos em olhar apenas para o ponto negro!
O problema de saúde que nos preocupa, a falta de dinheiro, o relacionamento
difícil com um familiar, a decepção com um amigo.
Os pontos negros são mínimos em comparação com tudo aquilo que temos
diariamente, mas são eles que povoam nossa mente.
Pense nisso!
Tire os olhos dos pontos negros de sua vida.
Aproveite cada bênção, cada momento a natureza lhe dá.
Creia que o choro pode durar até o anoitecer, mas a alegria logo vem no
amanhecer.
Tenha essa certeza, tranqüilize-se e seja .... FELI
Z


Recebido por email de um amigo
Imagem do google

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Perdão





Meu coração nunca parou de te olhar,de seguir seus passos.sempre meus pensamentos direcionado aos teus.
Não sei o que acontece só sei que estou com a alma amargurada,pois sei que não está feliz.
Ansiei tanto desejei mais do que tudo que ficasse sempre feliz,mas foge do meu alcance.
Não sei se sei,mas sei que nada sei.
Mas nada acontece por acaso.Tudo é por merecimento.
Adoro-te alma de minha alma.Minha porta está sempre aberta.
Sei que um dia seu coração me perdoará e assim morrerei feliz.
Pois o perdão renasce em forma de amor.
Um amor que te fará muito feliz;E um desejo do fundo do meu coração.


Célia Macedo
17-12-2014

domingo, 14 de dezembro de 2014

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Ju Fuzetto

 
 
 
"Não deu tempo de dançar pra você.
 Não deu tempo de andar de mãos dadas, nem de dizer bobagens de fim de tarde.
Não deu tempo de me perder no seu olhar como da primeira vez.
Não deu tempo de ter coragem, de rasgar tuas dúvidas e te escrever no meu destino, na minha pele.
Não deu tempo de deitar no teu ombro, de rezar juntos, de curtir a paz.
Não deu tempo de golpear a tristeza, de matar a saudade e te trazer pra ficar.
Não deu tempo, mas te dei amor, o tempo todo."






Ju Fuzetto

Rachel de Queiroz

'
 
 
 
 
'Doer, dói sempre. Só não dói depois de morto. Porque a vida toda é um doer."







Rachel de Queiroz

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Emoção sem razão





Quando se age pela emoção, sempre perde a razão; presídios e cemitérios estão lotados de pessoas com esse perfil, caso faça isso, estará passivo a sofrer as penalidades previstas na lei. Você só disse que ela não lhe quer mais, mas faça uma análise pessoal e verá que a falha partiu de você, expor ela só irá piorar sua situação, esse é o nível mais baixo que um pessoa pode descer, nivelando-se ao sub mundo da sociedade. Isso não é atitude digna.



Web Garimpos

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Amor&Romance







Não guarde nada para uma ocasião especial,
ocasião especial é casa dia que se vive

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Bertolt Brecht




"Talvez nos encontremos de novo, mas ali onde você me deixou não me achará novamente."

Bertolt Brecht

Tati Bernardi





"Um dia resolvi olhar para dentro de mim e percebi que alguns pedaços estavam partidos. Então, resolvi reconstruir meu caminho, repensar as coisas, refletir sobre o que andava acontecendo na minha vida. Entendi que tudo que a gente faz a gente recebe. De uma forma ou de outra. Por isso, é tão importante procurar pensar, sentir e fazer coisas boas. A escolha é sempre nossa."



Tati Bernardi

http://pequenasepifaniaseoutrosdevaneios.blogspot.com.br/

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Ana Jácomo






"Me recordo de cada flor que veio à tona só porque tive coragem de cuidar da semente. Só porque não me acovardei, mesmo que tantas vezes com todo medo do mundo."

Ana Jácomo

http://pequenasepifaniaseoutrosdevaneios.blogspot.com.br/

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Te Amar é tudo que eu preciso...




Amar você é bom demais
Sei que vivo porque não te esqueço
e o carinho que me dás eu mereço!
Mereço porque sempre foste para mim
o eterno, o primeiro, o maior, o sem fim…
No coração guardo das canções a mais bonita,
não pela harmonia ou a beleza da escrita
mas porque, de todas, foi a mais ouvida,
a mais desfrutada, a mais sentida.
Sempre deste e hoje me dás tanta ternura,
me dás a paz, a alegria, me dás a candura
e me fizeste a mais feliz das mulheres.
Por isso terás de mim tudo que quiseres.
A beleza do eterno, do sempre, do tudo,
tão difícil de entender pelo resto do mundo,
é tão simples para nós que nos queremos tanto
e conservamos dos primeiros beijos o encanto.
Pensar só em ti é para mim prazeroso!
Sentir teus braços em abraços é gostoso!
Falar contigo, recordar, viver tudo novamente,
saboreando o amor que nunca foi ausente,
oferecendo-te, de mim,
o que há de mais sagrado:
o meu coração todo inteiro,
de amor embriagado!
Autor desconhecido.

http://www.mensagensbonitas.com.br/

sábado, 11 de outubro de 2014

E se eu te amasse um dia



"E se eu te amasse um dia, pequeno e calmo, minúsculo e leve, no vento que desaprendeu o caminho, que vaga nos becos, que se perde nas curvas, que se espalha no rio, será que teus dedos descobririam meus cabelos, tuas mãos achariam minhas pernas debaixo do vestido, tua voz resistiria ao barulho das árvores? E se eu te amasse um dia, alto e amplo, grande e maior, junto ao céu, numa asa, contra o sol, solto e livre num voo silencioso de pássaro, será que teus olhos se juntariam aos meus num horizonte improvável, teu riso seria alto outra vez menino, teu peito se encheria de felicidade inédita? E se esse dia não chegasse, será que um dia tu perceberias que tens de mim o vento, o caminho, os becos, as curvas, o rio, o céu, a asa, o sol, o voo, o pássaro, o horizonte improvável, o riso, o menino, a felicidade esperando para ser?"

Patrícia Antoniete

http://pequenasepifaniaseoutrosdevaneios.blogspot.com.br/

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Web mensagens





“Você só percebe que viveu uma boa época quando ela vira lembrança.”


"A gente não faz amigos, reconhece-os"
Google

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Verdadeiras Amizades:






A Verdadeira amizade nunca morre
Por mais que o tempo passe e que as dificuldades possam surgir, eu sempre estarei firme e forte, porque sei que posso contar com você, um amigo que certamente foi um presente em minha vida. 
Sei que a nossa amizade é verdadeira, e para todas as amizades verdadeiras o tempo nunca passa, as distâncias nunca existem. 
Pois elas são eternas e a verdadeira amizade nunca morre. 
Obrigada por sua amizade e por permitir que eu lhe chame de amiga!!!
Te curto de montão!
Te curto pra valer!

Reconhecendo os Verdadeiros Amigos
É na dor que se reconhecem os verdadeiros amigos.

Lealdade, Fidelidade e companherismo. Talvez sejam estas as principais palavras para se descrever as qualidades de uma verdadeira amizade.
São nos momentos difíceis da vida que são identificados os verdadeiros amigos.Sempre atentos, eles tomam os problemas como se fossem próprios, não abandonando seu companheiro.
Amigo é aquele que te acolhe, ajuda, diz a verdade, mesmo quando não gostamos, e esta sempre disposto a te ouvir. O verdadeiro amigo não espera recompensa, seu objetivo é ter de volta o sentimento de amizade.
Dentre as várias formas de relacionamentos humanos amizade se destaca, pois o amigo não lhe é imposto por questões sociais ou de família, eles são escolhidos segundo um critério de afetividade.



Amizade Verdadeira
Houve tempos em que precisei chorar,
e você me consolou.
Houve tempos em que sorri,
e você sorriu comigo.
Houve tempos em que briguei, questionei
e você me apoiou.
Houve tempos em que sonhei, lutei, acreditei
e vivi intensamente muitas emoções.

E você, com sua amizade verdadeira
esteve ao meu lado,
enfrentando todos os obstáculos,
acreditando em mim e em meus ideais.
Houve tempos em que me senti sozinho,
mas como um presente maravilhoso de Deus
você apareceu em minha vida
com seu jeito especial e sua amizade verdadeira.
E hoje não mais estou só, porque tenho você!





Um Verdadeiro Amigo
Não pense que amigo é somente aquele que lhe oferece o ombro na hora em que você mais precisa. Muitas pessoas são ótimas “amigas” quando você está por baixo. Consolar pessoas as fazem sentir-se importantes. Mas esses mesmos “amigos” talvez não tolerem o seu sucesso e seus momentos de felicidade, sentindo-se inferiores e questionando o seu direito a ser feliz.

Amigo de verdade não é somente quem te consola quando você chora, mas quem se alegra ao ver você sorrir!

Amigos que só estão com você para usufruir de benefícios e outras amizades que você possui não são amigos, são pessoas interesseiras e calculistas. Se você possui qualquer vantagem, observe se as pessoas a quem você chama amigos não estão a seu lado apenas por causa dessa vantagem. Elas estão com você por você e apenas por você? Ou estão com você por quem você é, por quem você conhece, pelo que você sabe, ou pelo que você possui?

Amizade verdadeira possui um interesse interessado e não interesseiro. Um amigo de verdade está interessado em te ver feliz e não age de maneira interesseira buscando ser feliz através de você.
(...)

(Carlos Hilsdorf)

domingo, 7 de setembro de 2014

Não somos perfeitos...




As vezes tentamos ser os melhores,
tentamos ser perfeitos...
Porque vemos o outro com uma perfeição,
que ele não tem...
Até porque pessoas perfeitas não existem...
Mas mesmo sabendo disso, mesmo assim,
ainda tentamos fazer o melhor, ser o melhor..
Não queremos decepcionar, queremos apenas agradar..
E nesta angustia de sempre agradar, é que as vezes nos perdemos..
Ai a insegurança bate, ficamos com medo de perder o que temos,
neste momento é preciso respirar fundo, e ter a certeza que não somos
perfeitos, erramos sim... Mas que nunca é tarde para se concertar,
se arrepender dos erros...
Nos permitir ser como somos, sem medo...
E deixar que nos estendam a mão, que cuidem,
sem ficarmos nos martirizando pelos erros passados..
..

Bom meus queridos, hoje senti a necessidade de escrever sobre isso...rs
Espero que concordem comigo, ou que ao menos gostem..
A todos um belo final de semana..
E beijinhos doce...


http://suzisubmissa.blogspot.com.br/

sábado, 6 de setembro de 2014

Mitologia








Saia por esta porta,
Não volte nunca mais,
Pois já estou morta:
Minh'alma agora jaz.

Decepções deveras
Transformaram-me nisso.
Matei minhas quimeras,
E dei a elas sumiço.

Avisto náiades no rio,
E os olhos das harpias,
No tear me prendo em fios
Lembrando velhas alegrias.

Se existe harmonia,
Quem sabe um dia eu ache.
Afinal, não sou mitologia
E a desesperança é praxe.

http://mensagemefemera.blogspot.com.br/2011_11_01_archive.html

Soneto Repentino







De repente o adeus fez-se preciso
Triste despedida como a gaivota solitária
E a melancolia fez-se necessária
E do júbilo fez-se o lamentar conciso. 

De repente do amor fez-se o sumiço
Que transforma o apaixonado em pária
E da paixão fez-se escuridão extraordinária
E do sorriso sincero fez-se o penar fixo. 

De repente, não mais que de repente
Fez-se de demônio quem se fez angelical
E de desiludido o que se fez crente. 

Fez-se da vida terrena existência banal
Fez-se da dor companheira natural
De repente, não mais que de repente.




http://mensagemefemera.blogspot.com.br/2011_11_01_archive.html

Epifanias de Lara Utzig

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Ausência




Algumas pessoas me causam uma falta que chega a ser cortante.
 Entendo, porém que cada um tem seu tempo, suas razões e que preciso (embora doa) administrar as ausências. 
Sei também que talvez não seja a melhor pessoa do mundo em se fazer entender, sei que nem sempre acerto nas escolhas. 
Às vezes sou infiel aos meus desejos, mas desejo, sinto falta e choro.
Sou aquilo que posso ser, talvez não da melhor maneira, não tão certa quanto eu supunha, mas na batalha pra evoluir. Ser quem desejo ser...

Karlinha Ferreira
http://karlinhanf.blogspot.com.br/ 

Caio Fernando Abreu







Em seguida vieram o tempo, a distância, a poeira soprando.
 Mas eu trouxe de lá a memória de qualquer coisa macia que tem me alimentado nestes dias seguintes de ausência e fome.
 Sobretudo à noite, aos domingos.
 Recuperei um jeito de fumar olhando para trás das janelas, vendo o que ninguém veria.




Caio Fernando Abreu

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Esperança



Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano
Vive uma louca chamada Esperança
E ela pensa que quando todas as sirenas
Todas as buzinas
Todos os reco-recos tocarem
Atira-se
E
— ó delicioso vôo!
Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada,
Outra vez criança...
E em torno dela indagará o povo:
— Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?
E ela lhes dirá
(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)
Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:
— O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA...

Mario Quintana

Texto extraído do livro "Nova Antologia Poética", Editora Globo - São Paulo, 1998.

domingo, 17 de agosto de 2014

Metamorfose de minha alma






Metamorfose de minha alma ou seja metamorfose da alma?

É por enquanto a metarmofose de mim em mim mesma. 
É uma metamorfose em que eu perco tudo o que tinha. 
E agora o que sou?
A alma é como  uma borboleta...

há um momento em que uma voz me diz
que chegou a hora da grande metamorfose...
Toda metamorfose faz doer.

Só quero estar feliz comigo mesmo.

Aproveitar a vida e o tempo.
Por que ser feliz é saber organizar a vida e o tempo.
É querer 
e ficar feliz por ter conseguido algo ou não
mas ter tentado.
É ter um pouco de tempo pra você.
Sei que  leva um tempo, mas não vou ter pressa
porque o  tempo não tem pressa.
Só de pensar já me sinto melhor.


http://blogdamarcianeri.blogspot.com.br/2012/09/metamorfose-de-minha-alma-ou-seja.html

sábado, 9 de agosto de 2014

Madre Teresa de Calcutá





"Se nos lembrássemos todos os dias que podemos perder alguém subitamente, nós amaríamos mais intensamente e livremente, e seriamos mais tolerantes e compreensivos. 
Ninguém pode afirmar que não há nada a perder porque tudo pode ser sempre perdido. "


Madre Teresa de Calcutá

quarta-feira, 30 de julho de 2014

Osho






"A vida tem que ser fresca.

 Permaneça um aprendiz, nunca se torne um conhecedor.

 Permaneça aberto, nunca se torne fechado. Permaneça ignorante, vá em frente, jogando fora o conhecimento que acumula – automaticamente, naturalmente.

 A cada dia, a cada momento, livre-se de tudo o que aprendeu e, de novo, torne-se uma criança.

 Tornar-se inocente como uma criança é o caminho para se viver e para se viver abundantemente."

Osho

terça-feira, 29 de julho de 2014

Da tortura emocional gratuita.






"O perigo da perversidade é que ela é muito sutil. Um ser perverso jamais te atacará diretamente. Ele vai saborear cada silêncio calculado para despertar sua agonia. Ele vai tentar tolher seus lugares íntimos até que não reste qualquer espaço para manobras. Ele vai te seduzir da maneira mais irresistível e depois te tratar com um descaso inexplicável, como se algo de errado tivesse acontecido, mas sem te dar quaisquer indícios do que possa ter acontecido. Ele será carismático com os outros, prestativo, mas demonstrará impaciência em responder à sua mais simples pergunta. Ele vai oscilar entre o tesão e a indiferença. Você se sentirá desejada quando o sufoco tiver tomado toda a sua alma e, totalmente desamparada quando o desejo demonstrado parecer esvaído nos primeiros suspiros da manhã. E o dia seguinte se tornará um longo e agonizante ano. Ele parecerá espirituoso, depois irônico, mas estará sendo absurdamente crítico e sarcástico. E te deixará tão confusa que você, por momentos, não saberá identificar a crueldade que há neste tipo de comportamento. Os perversos são viciados em jogos de poder e controle. Não sabem o porquê. Simplesmente precisam tentar te destituir da sua autoconfiança e autoestima até que você se torne refém, dependente, à beira do desespero.

É muito difícil identificar um ser perverso e, depois se livrar dele. Ele te tratará com uma bipolaridade emocional absoluta. E quando tudo parecer perdido, quando você tiver decidido de maneira explícita sua escolha por um afastamento ou desligamento da relação, ele te rondará da maneira mais amorosa possível tentando te convencer que a falta de sintonia anterior era um problema seu. 
O perigo da perversidade é porque ela é muito sutil. E o único antídoto para se curar de uma relação doentia como esta é reunir toda a coragem que você jamais imaginou ter e partir com toda a convicção de que você não precisa continuar neste campo minado. Você pode escolher um lugar de paz. Você pode não ser presa de um predador voraz. Você não precisa se vestir de sangue para alimentar estes vampiros.
Esteja atenta. O perverso sempre parecerá um ser inofensivo e carismático. Com os outros. Apenas com os outros. E isto te deixará com uma imensa vontade de conquistar aquilo que ele fará questão de demonstrar que não está disponível para você."


Marla de Queiroz

http://pequenasepifaniaseoutrosdevaneios.blogspot.com.br/

domingo, 20 de julho de 2014

O tempo e as jabuticabas ..






"Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui para frente do que já vivi até agora. Sinto-me como aquele menino que ganhou uma bacia de jabuticabas. As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.
Já não tenho tempo para lidar com mediocridades.
Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflamados.
Não tolero gabarolices.
Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte.
Já não tenho tempo para projetos megalomaníacos.
Não participarei de conferências que estabelecem prazos fixos para reverter a miséria do mundo. Não vou mais a workshops onde se ensina como converter milhões usando uma fórmula de poucos pontos. Não quero que me convidem para eventos de um fim-de-semana com a proposta de abalar o milénio.
Já não tenho tempo para reuniões intermináveis para discutir estatutos, normas, procedimentos parlamentares e regimentos internos. Não gosto de assembleias ordinárias em que as organizações procuram se proteger e perpetuar através de infindáveis detalhes organizacionais.
Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas, que apesar da idade cronológica, são imaturos.
Não quero ver os ponteiros do relógio avançando em reuniões de “confrontação”, onde “tiramos fatos à limpo”.
Detesto fazer acareação de desafetos que brigaram pelo majestoso cargo de secretário do coral.
Já não tenho tempo para debater vírgulas, detalhes gramaticais sutis, ou sobre as diferentes traduções da Bíblia. Não quero ficar explicando porque gosto da Nova Versão Internacional das Escrituras, só porque há um grupo que a considera herética. Minha resposta será curta e delicada: – Gosto, e ponto final! Lembrei-me agora de Mário de Andrade que afirmou: “As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos”. Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos.
Já não tenho tempo para ficar dando explicação aos medianos se estou ou não perdendo a fé, porque admiro a poesia do Chico Buarque e do Vinicius de Moraes; a voz da Maria Bethânia; os livros de Machado de Assis, Thomas Mann, Ernest Hemingway e José Lins do Rego.
Sem muitas jabuticabas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita para a “última hora”; não foge de sua mortalidade, defende a dignidade dos marginalizados, e deseja andar humildemente com Deus. Caminhar perto dessas pessoas nunca será perda de tempo."


__Rubem Alves

https://www.facebook.com/pages/Beautylife/251925724959772

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Gabito Nunes








“Só nos ensinam a ir atrás, vencer e persistir, essas coisas. 
Nunca dizem que, pontualmente, desistir pode ser uma atitude bem esperta.”

(Gabito Nunes)

Dalai Lama








“Ame profunda e passionalmente. 
Você pode se machucar, mas é a única forma de viver o amor completamente.”

(Dalai Lama)

terça-feira, 8 de julho de 2014

Otimismo em rede





"O verdadeiro otimista tem o dom de saber que algo vai dar certo não por presunção, mas simplesmente por acreditar que a força que define o que vai dar certo ou errado em sua vida está em seu interior, em suas competências, em sua fé." (Luis Alves,

"Talvez, ao me ouvir falar em felicidade, você se pergunte se eu não tenho problemas, se tudo dá sempre certo para mim, se nunca passei por uma grande dificuldade que me tenha deixado marcas, a resposta é claro que sim, superei e estou aqui."

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Diamantes não se moldam





Diamantes não se moldam, lapidam-se, limpam-se suas arestas, dá-se polimento, mantendo-se as suas características mais preciosas.



      Os verdadeiros diamantes não são formatados ao bel prazer do  mestre joalheiro, pelo contrário; é a maestria deste que faz com que perceba a forma final da pedra com a qual trabalha.



      De um diamante, retiram-se os excessos, respeitando o núcleo da gema preciosa que se tem nas mãos. A forma já é pré-existente, é apenas estimulada a surgir em sua plena beleza.



      Ao contrário de um vaso de barro, os diamantes não admitem ser moldados ao bel prazer do artista, afinando ou engrossando as suas paredes, acinturando ou dilatando o seu bojo.



      O diamante já existe por si, não é fruto da manipulação de uma matéria prima disforme.



      A argila, nas mãos de um brilhante oleiro, ganha formas magistrais; nas mãos de um artista, ganha cores e desenhos intrigantes, quando o barro é cozido, vitrificado, envernizado, etc, criam-se verdadeiras obras de arte de imensa beleza ou singeleza funcional.



      O valor do vaso é fruto da perícia do artista, de sua habilidade em tornar a matéria prima bruta em um objeto de valor agregado.



      Os diamantes, ao contrário,  já tem seu valor por si mesmos, independem das mãos do artista para que tal valor exista. O que o artista faz é simplesmente extrair do diamante o melhor  de si, tornando-o mais brilhante, polindo suas arestas, lapidando-o e incrustando-o em jóias delicadamente trabalhadas para receber a pedra preciosa.



      Se, da argila, faz-se ao mesmo tempo vasos de fina porcelana ou rústicos e funcionais tijolos ou blocos, ou ainda, apenas se abandona num canto a matéria prima, até que se encontre utilidade para ela; dos diamantes não saem senão diamantes. Ninguém deixa um diamante descansando num canto,… antes se valoriza a pedra bruta que se tem nas mãos, trabalha-se sobre ela até extrair o máximo que sua beleza pode oferecer.



      Vasos, por maior que seja seu valor e beleza, quebram-se, descascam-se, lascam-se, perdem a cor e o brilho…diamantes jamais se partem. Diamantes são eternos!



      Podem ter seu brilho embotado pela poeira do tempo, as jóias onde estão incrustados podem partir-se, mas o diamante sobrevive, sua essência persiste.



      Os seres humanos, em sua magnífica diversidade, são blocos de argila ou diamantes brutos. Reconhecer o que se tem nas mãos é tarefa que só pode ser plenamente desempenhada  por quem tenha em si a capacidade de ver  com olhos atentos.



      Quando nos falta a sensibilidade e a perícia para perceber a diferença entre um e outro, muitas vezes procuramos pegar um diamante e tentar moldá-lo às nossas exigências. Ora, como um diamante não se molda dessa maneira, com essa facilidade, acabamos por confundí-lo com um pedaço de argila impuro, e o descartamos como algo de pouco valor.



      Pessoas manipuladoras, via de regra, preferem trabalhar com argila, `a qual, com algum esforço, tornam úteis aos seus objetivos mais imediatos, moldando-a à seu bel prazer.



      Já o mestre joalheiros, acostumados a compreender que a beleza vem de dentro para fora, precisando apenas ser desvendada, não tem pressa em seu labor, e não se importam se o diamante trabalhado, ficará ou não em suas mãos, o seu propósito, do mestre, é fazer brilhar a jóia, sua satisfação é a de realizar um trabalho bem feito, sabe que o fruto de sua dedicação não repousa nas vantagens imediatas que seu trabalho possa oferecer, e sim no brilho próprio da gema que passou por suas mãos.



      Diamantes ou argila, oleiros ou mestres joalheiros, opções de papéis que podemos exercer em nossas vidas.



      Quando assumimos o nosso papel, e deixamos de lado as opiniões, nem sempre isentas de interesse, de outras pessoas, passamos a caminhar pelo nosso próprio caminho, com o coração leve e sereno, livre dos falsos sorrisos e do peso de abrir mão de nossa felicidade para agregar os aplausos do mundo ou parte dele.



      Nem sempre é fácil a caminhada, mormente diante de opções que nos façam escolher entre fazer parte dos vasos expostos em uma galeria, reproduzindo o que todos fazem, ser mais um entre outros tantos, recebendo o aplauso comedido dos iguais, ou preservar conosco os diamantes que a vida nos oferece, vez por outra, em sua forma bruta e que desistimos de lapidar, às primeiras dificuldades, ou por que não nos sentimos capazes de tal tarefa, ou por que não percebemos seu valor, ou ainda por que nos importamos demais com as aparências e com que os outros possam achar de nossa insistência.



      Oleiros há muitos, não é preciso muito para se fazer tijolos, um pouco mais para se esculpir o barro. Mestres joalheiros são mais raros, mais especializados, assim como os diamantes são mais raros do que a argila.



      Deus não põe diamantes nas mãos de oleiros para que sejam lapidados, se um diamante te cair nas mãos, saibas que tens a capacidade de lapidá-lo.



      Não trate diamantes como argila! Saiba ver o seu brilho escondido; aprenda com ele, e por certo, ao mesmo tempo que lapidas a pedra, tua própria alma sofrerá as transformações necessárias para o teu próprio crescimento.



      Mas, se desprezas o diamante, e a riqueza da experiência, preferindo ser barro ou oleiro, pode ser que , nunca mais, tenhas um diamante em tuas mãos.



      Já, a argila…



Jorge Linhaça



http://amizadepoesia.wordpress.com/2008/01/11/diamantes-nao-se-moldam/

domingo, 22 de junho de 2014

Camila Heloise







Não é possível modificar o que foi feito.
 Nem dá para apagar algo do qual nos arrependemos e fingir que nunca aconteceu. 
Mas há a generosidade da vida que nos permite dormir hoje e acordar amanhã, prontos para evitar novos enganos ou repetir os velhos.

___ Camila Heloise 

terça-feira, 17 de junho de 2014

Essas Minhas Sandices

Essas Minhas Sandices




Acho que de todos os adjetivos que podem ser dados a um ser humano, o que mais recebi foi louco (olha só, tá acima de bonito, há!). Uns queriam dizer outras coisas, outros queriam dizer exatamente isso. Eu mesmo digo que sou louco, embora não no sentido explícito.

A verdade é que a loucura me atrai. Simplesmente. Já me proporcionou momentos cômicos e trágicos, e outros que não cabem aqui. "Essas Minhas Sandices" fala um pouco disso. É uma poesia extremamente biográfica, escrita em um momento complicado. Talvez alguns sejam cativados por ela. Senão, esteticamente também a aprecio:

Essas Minhas Sandices

Por que nestes momentos,
Amontoado de tormentos
E repleto de pensamentos,
Abarrotado de sentimentos,
Traduzo meus desalentos
Numa sequência de sorrisos?

Por que em parar eu continuo,
Mesmo sem pedir licença,
Atiçando a desavença
Entre o peito e a cabeça?
Não é isso uma loucura?
Será isso uma doença?

Se de longe um louco sou
Perto sou mais que insano,
Um doido certo, sem engano.
Que um ser sou só humano
Da mente não sou soberano
Mas também não causo dano...

Dê-me apenas mais uns dias
Que lhe mostro as alegrias
Do meu ser habitual
Que é sorrir sem ter motivo
Em um senso relativo
Do que é que é ser normal.

http://sadraquinino.blogspot.com.br/2011/03/essas-minhas-sandices.html


http://www.youtube.com/watch?v=p8jm61vk2Ao

domingo, 15 de junho de 2014

Amigos E...Amizades.






 Muitos falam de amizade, mas poucos têm a noção verdadeira do que.
É isso. 
Amizade é algo muito mais forte que apenas chamar o outro de 
Amigo, é ter ao lado sempre mais que um irmão, alguém em que a gente pode confiar sempre, pra TUDO, seja nas coisas boas ou...
Nas ruins. 
Alguém a quem eu sei que posso sempre contar, que sempre está aqui pra ajudar em tudo.
 Você sim eu considerava digna de se chamar de amiga. 
Precisei tanto de você em muitos momentos de minha vida, só queria ouvir sua opinião sobre algum assunto, enganei-me o que mal começou apenas se acabou.
Não queria minha amizade, enganei e fui enganada e agora vejo que minha vida não é tédio como desejavas tu que fosse. Aprendi a lição nem todas as pessoas são capacitadas em ofertar nada que não obtenha troco.
Em meus pensamentos você sempre presente e ao acordar elevo meu pensamento a Deus. Pedindo força e fé e muito amor em seu coração que  sempre foi frio e sem amor.
 Seu sorriso nada mais era que uma moldura para esconder a pobreza de seu espírito.
Palavras... bonitas não traduzem amor.
E hoje agradeço sempre a Deus que coisas boas que saem dos meus pensamentos, vão e vem em forma de querer bem.
Melhor ainda é saber que você não está aqui do meu lado... Mas está feliz! 
Será ou as tuas palavras frias e cruéis te emudeceram para com isto te deixar de ser feliz.
Eu em meus dia frio sou sempre... mais  e mais feliz.


 Eu gosto de você ♥

Celia.
Adaptado

Pensando...







"Em meu silêncio te protejo , mesmo sem estar presente."
Google +

domingo, 1 de junho de 2014

Abraço D'alma.






Hoje eu quero falar
Deste sentimento que tenho
Um amor, ou quem sabe paixão.
É algo tão intenso que me sinto abraçada
Pelo amor divino,
Sonho vivo e ando em passos trôpegos, procurando caminhos.
Não sei o que posso encontrar além da curva
Mas quero de alguma forma, poder sentir que nada é em vão.
O tempo que é o senhor da razão nem sempre é conselheiro.
Apaga sentimentos, destrói paixões, afasta amizades.
Senhor... Senhor te rogo...
Dai-me a paz que anseio.
E neste caminho que vivo e compartilho emoções vividas,
 Sou apenas mais um grão, neste imenso deserto.
Que é a vida,


Célia Macedo
Imagem do google
 01 de junho de 2014.

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Web Mensagens





"Cada dia é uma soma de batalhas vencidas, etapas 

concluídas,

 promessas alcançadas. 

Algumas lágrimas contidas, outras derramadas."

web Mensagens





"Viver é ser livre.
Saber dar valor para as coisas mais simples,
Só o amor constrói pontes indestruitíveis."

quinta-feira, 8 de maio de 2014

Amor que Fortalece







O amor que vem e que vai,
 Que fica e que cresce. 
 O amor que nunca amei,
 Que nunca senti, 
que nunca saberei. 
 O amor que já vivi,
 Que já presenciei e experimentei. 
 Amar com amor, 
Amor como amar.

È noite na minha alma








Verdes lagos e casas caiadas debruadas a anil
Bois puxando o arado e cães latindo aos viajantes
O velhinho sentado no alpendre
As avezinhas voando
O dia está luminoso e sorridente
E as pedras do caminho vão chorando comigo
É noite na minha alma…

2012 Olinda Ribeiro

sexta-feira, 2 de maio de 2014

TU LEMBRAS DAQUELES GRANDES ESPELHOS...


”Tu lembras daqueles grandes espelhos côncavos ou convexos
 que, em certos estabelecimentos, os proprietários colocavam
 à entrada para atrair os fregueses, achatando-os,
 alongando-os, deformando-os nas mais estranhas configurações?
 Nós, as crianças de então, achávamos uma bruta graça,
 por saber  que era tudo ilusão, embora talvez nem conhecêssemos
 o sentido da palavra “ilusão”.
 Não, nós bem sabíamos que não éramos aquilo!

 Depois, ao crescer, descobrimos que, para os outros, não éramos
 precisamente isto que somos, mas aquilo que os outros vêem.

 Cuidado, incauto leitor! Há casos, na vida, em que alguns acabam
 adaptando-se a essas imagens enganosas, despersonalizando-se
 num segundo”eu”.Que pode uma alma, ainda por cima invisível,
 contra o testemunho de milhares de espelhos?
 Eis aqui um grave assunto para um conto, uma novela, um romance,
 ou uma tese de mestrado em Psicologia.”

Mario Quintana
In: Na Volta da Esquina (1979)


http://mario-quintana-rh.blogspot.com.br/

Marcadores

―Clarice Lispector (1) : Decepção (2) . (Marla de Queiroz) (1) (Tati Bernardi) (4) *por acaso* (1) ♡ Reverência ao destino ♡ (1) 100 Palavras (3) 100Timentos (1) 123º Aniversário de Fernando Pessoa - O poeta de vários desdobramentos (1) 1ª parte (1) 7 erros na busca de um novo amor (1) A Chave (1) A ÁGUA (1) A amizade (1) A âncora (1) A Caridade Começa em Casa. web Mensagens (1) A catadora de vidro (1) A cicatriz Adélia Prado (1) A COBRA (1) A Importancia do perdão. (1) A lição da convivência (1) A MAIS BELA FLOR Web Mensagens (1) A Marca de Amor (1) A miséria do meu ser Web Mensagens (1) A Ostra e A Pérola (1) A Paixão da nossa Alma Web Mensagem (2) A paixão é maravilhosa (1) A Química da Amizade (1) A rosa e a cruz (1) A Solidão é Sempre Fundamento da Liberdad (1) A TPM EM QUATRO FASES (1) A VIDA (1) A vida é. (1) A.T.I.T.U.D.E (1) Abraço D'alma. (2) Acredite no Amor (1) Acrostico de Lucimar (1) Acróstico Aparecida G.telli (1) Acróstico Mary Cely (1) Adele - Rolling in the Deep ( LEGENDADO) (1) Adeus Otimismo web Mensagens (1) afeição companheiro (1) Afinidade (1) África (1) Águia ou Galinha (1) Ai Que Saudade d´Ocê (1) Aki e acolá de Mary cely.Devaneios (1) AlgoImporta (1) Algumas curiosidades da Festa de São João (1) Allax Garcia (1) Alma ferida (1) Alma Gêmea (1) Alonso Rodrigues Pimentel (1) ALTOS E BAIXOS (1) Amar é (2) Amar é uma DECISÃO (1) Amenidades da web Contradições (1) Amenidades da web Hot .dog (1) amenidades da web Vergonha (1) amenidades da web. (2) Amenidades da web. Passo para o perdão (1) Amenidades da Web.Cerca Lourenço (1) Amenidades da web.dissimulada (1) Amenidadesda web.Lilith (1) Amigo Sincero (1) Amigo virtual (1) Amigo Virtual Leticia Thompson (1) Amigos ...e amigos. texto desabafo (1) Amigos E...Amizades. (1) Amigos flores do meu jardim .Mary Cely (1) amizade (1) Amizade Caio Fernando Abreu (1) Amizade Leticia Thompsom (1) Amizade Mary Cely Texto pessoal (1) Amizade Traição e Valores (1) Amizade verdadeira (1) AMIZADE Web Mensagens (1) Amizades (1) Amor (1) Amor – Poema de Fernando Pessoa (1) Amor e saudade (1) Amor é sentimento; paixão é emoção. O amor liberta (1) Amor em fragmentos (1) Amor Eterno Poema de Mary Cely (1) Amor Maldito Rejane Camargo (1) Amor Mensagens (1) Amor que Fortalece (1) Amor sem dor (1) Amor&Romance (1) Ana Jácomo (3) AnaJácomo (1) Andréa Beheregaray (1) anjo caido (1) Anjos em terra. (1) Anjos Tristes Anna Müller (1) Antoine de Saint-Exupery (1) APENAS AMAR NÃO BASTA (1) Apenas os Outros (1) APENAS PORQUE EXISTES Web Poemas (1) Aprende Menina Caio Fernando Abreu (1) Artur da Távola Mensagens (1) As aves Almas e Metáfora Poéticas (1) As Estrelas e presença (1) As mulheres são verdes Web mensagens (1) As Vezes (1) Asas de Colibrí Soneto de Mary Cely (1) Assim eu vejo a vida (1) aTe nUnCa MaIS PREFEITO (1) Atração (1) Augusto Branco (1) Augusto Cury (1) Ausência (1) Auto retrato (1) Autopsicografia Fernando Pessoa (1) Aves raras (1) Bahia (1) Bahia de Feira de Santana Campeão (1) Bem a minha cara (1) Bertolt Brecht (1) Boas Festas à todos (1) Boas Festas. (1) Bom dia (1) Borboleta Azul Web mensagens (1) Borboletas Mário Quintana (1) Borboletas poema de Mary Cely (1) Caçadores da Felicidade Web Mensagens (1) Cáh Morandi (3) Caio Augusto Leite (1) Caio F. Abreu (1) Caio Fernando Abreu (21) Caio Fernando Abreu Pensamentos (1) Caio Fernando Abreu pensamentos II (1) Caio Fernando de Abreu (1) Camila Heloise (1) Caminhando texto de Mary cely (1) caminhos de Luz Mary cely (1) Canção do dia de sempre Mario Quintana (1) Cancioneiro (1) Carlos Drummond de Andrade (3) Carolina Salcides (1) Carpe Díem. (1) Carta de afago e desabafo (1) Carta de agradecimento Jornalista Cristóvam Aguiar (1) Carta de Célia Macedo a sua mãe. (1) Carta de Hosalina Herai a sua mãe. (1) Carta de Mary Cely Amiga e Alma gêmea. (1) Carta de Mary Cely magoas (1) Casa de Vô (1) Casemiro de Abreu.Simpatia poema (1) caso com o acaso (1) Cátia Azulinha Silva (1) Cecília Meireles (1) Celia Macedo (3) Célia Macedo (3) Charge (1) Charles Bukowski (1) Charles R. Swindoll (1) Chico Anysio (1) Chico xavier (2) Chico Xavier Web Mensagens (1) CHUVA QUE (EN)CANTA Bruno de Paula (1) Chuvas Célia macedo (1) Cinco Minutos Web Mensagens (1) Ciranda de Bruno de Paula (1) Ciranda de Mary Cely (1) Cirandas de Mary Cely (14) Clarice Lispector (7) Coisa Da web (1) Coisa da web Provérbios (1) Coisa de Cearense (1) Com razões (1) Como aproveitar melhor o sexo em diferentes fases da vida (1) COMO CUIDAR BEM DO SEU AMOR... (1) Como encontrar sua Alma gêmea (1) Como me Vêem. Critica de MarY cely (1) Conceitos e preconceitos Poema de Mary Cely (1) Consciência Negra (1) Consciência Negra 20 de novembro (1) Continuar (1) Conto de Marina Colossanti (1) Conto de Mary Cely Um amor virtual (1) Convivencia Mario Quintana (1) Cora Coralina (4) Coração (1) Coração Ferido poema de Adriana Leal (1) Coragem (1) CORAGEM DA CHUVA (1) Corintios 13 - Amor (1) Corriqueira Felicidade (1) Cortar o tempo (1) Cronica (1) Crônica de Célia Macedo (1) Crônica de Mary Cely (25) Cronica de Mary Cely Meus mais puros sentimentos (1) Cronica de Mary Cely Arrependimento (1) Cronicas de Célia Macedo (1) Cuide-se Clarice Linspector (1) Cultura musical.:Carimbó (1) Curiosidades da Web Expressões de um povo I (1) D Casmurro (1) Da infinita solidão (1) Da tortura emocional gratuita. (1) Dalai Lama (1) Dale Carnegie (1) Darcy Ribeiro (1) Decisões (1) Deficiências (1) Deixe ir... (1) Demagogos da vida (1) Depressão (1) Desaprendemos Carpinejar (1) Descaminhos (1) Desejo (1) Desejos de Alma Web Mensagens (1) Desejos de Amigos Mary Cely imagens (1) Desistências (1) desprende (1) destino (1) Detalhes (1) Deus cuida de nós (1) Deusas do cotidiano Sergio vaz (1) Devaneando Ou saudades (1) Devaneios de Avó Mary Cely (1) Devaneios de Mary Cely (Mary Cely) (1) Devaneios de Mary Cely autoria desconhecida (1) Devaneios sem rumo (1) Dia da Mulher (1) Dia do abraço (2) Dia do amigo (1) Dia do blogueiro (1) dia dos pais (1) Dia Mundial da Água. (1) Diamantes não se moldam (1) Diversa (1) diversas :Orgulho (1) Diversas Tempo da onça. (1) Diversas.Segredos (1) Diversidades da Web (1) Dizem po ai... (1) Drummond (1) Duetos Mary Cely e Roberto Leal (1) E bem assim (1) e cirandas de mary cely (1) É dificil (1) E isso aí (1) É Isso Aí (1) É isso aí videos (1) È noite na minha alma (1) É preciso amar direito Web Mensagens (1) É Proibido (1) E se eu te amasse um dia (1) Eduardo Orlando Holopainen (1) Ela é (1) Ela nâo quer dividir o brownie. (1) ELEGÂNCIA NO COMPORTAMENTO Martha medeiros (1) Eleições Serias rssss (1) Em algum Lugar (1) Emergência (1) Emily Dickinson (1) Emoção sem razão (1) Encontre o Caminho web mensagens (2) Escolhas Padre Fabio de Melo (1) Esperança (1) Esperando seu perdão (1) Essas Minhas Sandices (1) Essencial Rubem Alves (1) Eu acredito ainda... (1) Eu gosto (1) Eu Gosto Web Mensagem (1) Eu não acho nada (1) Eu quero falar de Perdão (1) Eu sei como é (a.d) (1) Eu sei Web mensagens (1) euforia (1) Expressões de Um Povo II Morreu Maria Preá (1) Fábio de Melo (1) Faça como os passarinhos (1) Fantasia (1) Faxina da Alma Web mensagens (1) fazer amor Web Mensagens Amor e Perseverança (1) fé Vanessa Leonardi (1) Felicidade (1) Feliz Ano Novo (1) Feliz Idade Mary Cely (1) ferias (1) Fernamdo Pessoa (1) Fernanda de Castro (1) Fernanda Gaona (2) Fernanda Rocha pensamentos (1) Fernando Pessoa (4) Fernando Pessoa Deve chamar tristeza (1) Fernando Pessoa Escrever é esquecer (1) Fernando Pessoa Frases (1) Fernando Pessoa Onde (1) Fernando Pessoa Procure Seus Caminhos (1) Fernando Pessoa Sempre (1) Fernando Pessoa.Encerrando Ciclos (1) ficção (1) Filtr Solar Pedro Bial (1) Filtro Solar - Pedro Bial (1) Florbela Espanca (1) Fora da Asa (1) Frase (1) Frase de Mary Cely lo Amor (1) Frase Sobre Idade (1) Frases da web (1) Frases de Quintana (1) Frases do Pensador (1) Gabito Nunes (3) Gabriela Moraes Texto de Mary cely video de Gabriela Moraes (1) Gi Stadnick (1) Gi Stadnicki (3) Gi Stadnicki Seja Puro (1) Gi Stadnicki. Vida (1) Giselle F. (1) Glória Salles Quero Minhas Asas (1) GOSTO DE PENSAR ASSIM (1) Grata Sempre (1) Gratidão (2) Gratidão com gostinho de saudade.Celia Macedo (1) Gripe xô fora (1) Guardar mágoas traz prejuízos à saúde de nosso corpo (1) Haikais de Mary Cely Borboletas (1) Haikais de Mary Cely Estrela Guia (1) Hoje (2) Homenagem a Nossa Srª (1) Hugo Pena e Gabriel (1) Hum hum (1) Humor (1) Humor baiano Minha terra (1) Humor Piadex (1) II (2) Imagem (1) indiretas (1) Ingratidão (1) Ingratidão tira a afeição (1) Insonia (1) Inveja...coisa tão feia... (1) Inversos (1) Ique Carvalho (1) Ironia do tempo (1) Isso Se Chama Amor (1) Ivan Teorilang (2) JACK KEROUAC: PENSAMENTOS (1) James Greene (1) Janela Com Vista Web Mensagens (1) JARDIM DAS BORBOLETAS (1) Jean Lacerda (1) Jefh Cardoso (1) Jordan Campos (1) Jordana Sampaio (1) Juramento de Amor Eterno... (1) Karlinha Ferreira (1) Ladrão de coração (1) Lágrimas (1) Legião Urbana (1) Lei Seca Fabricio Carpinejar Crônica (1) Leituras (1) Lembranças (1) Leonardo Boff Teólogo e Filósofo (1) Liberdade (2) Ligação do telemarketing (1) Límpido (1) Livros (1) Love (1) Lua Adversa Cecilia Meireles (2) Lua... Luar (1) Luís Fernando Veríssimo (1) Luto (1) Luva de Pelica (1) madalena.blogs (1) Madre Teresa de Calcutá (1) Mágoas (1) Marcella Brafman (1) Mario Quintana (5) Mário Quintana (2) Mario quintana A vida (2) Marla de Queiroz (3) Marta Medeiros Mensagem linda (1) Martha Medeiros (3) Marx e Max (1) Mary Cely (1) mas é ele que me move. Web Mensagens (1) mas é provisória (1) mas não devia (1) Maturidade (1) MEDO DE VIVER SOZINHO (1) Mensagem (28) Mensagem .humildade (1) Mensagem Cosme e Damião (1) mensagem da web (6) Mensagem da Web Valor de um abraço (1) Mensagem de Ano Novo Mary Cely (1) Mensagem de Clarice Lispector (1) Mensagem de Mary Cely (7) Mensagem de Mary Cely Adeus poetisa Mary Cely (1) Mensagem de Mary Cely Desabafo da Alma (1) Mensagem de Mary Cely Possivel e passível (1) Mensagem de Otimismo (1) Mensagem de Otimismo da web (1) Mensagem Despertar da consciencia (1) Mensagem Drumond o eterno (1) Mensagem Humildade x Orgulho (1) Mensagem WEB Pedras Atiradas (1) Mensagen da Web.como medir a dor (1) Mensagens da Net Dia do beijo (1) Mensagens da Web (4) Mensagens da Web Em verdade (1) Mensagens da web Veríssimo (1) Mensagens da web Ninguém é Insubstituivel (1) Mensagens da Web Ou mudamos Ou morremos (1) Mensagens da web Reforma íntima (1) Mensagens da web Saudades (1) Mensagens da web Sugadores de Energia (1) Mensagens Preconceito (1) Mensagens Sofrimento (1) Mensgam de Rubem Alves (1) Mentiras à parte (1) Metamorfose de minha alma (1) Meu desejo é sua vontade. Texto de Mary Cely (1) Meu Mundo particular. BLOG (1) Meu pensamento Celia Macedo (1) Meus apegos (1) Meus Fragmentos (1) Michael Jackson (1) Michelle Trevisani. (1) Miguel Sousa Tavares Web mensagens (1) Minha essência (1) Minha mãe (2) Minha querida mãe (1) Mitologia (1) Mulher...Nordestina! (1) Mulheres belas web Mensgens (1) Namore uma garota que lê Rosemary Urquico (1) Não esta sendo fácil (1) Não se acha nada (1) Não somos perfeitos... (1) Naquele dia tomei um tombo... E aprendi. (1) Natureza (1) Neimar de Barros Deus Negro Poema (1) Nelson Mandela (1) No dia do aniversário (1) Nossa Senhora da Conceição (1) Nossas Escolhas (1) Nota de Falecimento...do BOM SENSO (1) NUNCA DESISTA DE AMAR (1) O amor (1) O amor Martha Medeiros (1) O Barulho da carroça Web mensagens Otimismo (1) O diário inacabado Poema de Rosalina Herai (1) O FOGO E A CORAGEM (1) O GUERRERO DA NÃO-VIOLÊNCIA (1) O MAIS EXTREMO ÓDIO COM O MAIS EXTREMO AMOR (1) O medo do Amor Martha Medeiros (1) O mendigo (1) O pássaro da Luz (Fênix) (1) O PODER DE UM ABRAÇO (1) O PONTO NEGR (1) O que realmente importa? (1) O rancor corta as asas de quem nasceu para ser passarinho " Gi Stadnicki" (1) O rouxinol e a rosa WEb Mensagens (1) O silêncio (1) O Simbolismo da Rosa (1) O tempo (1) O Tempo Vida.Mary Cely (1) O Valor das pequenas coisas web Mensagens (1) Oito Bons Presentes Que Não Custam um Centavo Reflexão (1) Olinda Ribeiro (1) Onde andará o meu Doutor (1) Ontem Hoje e Sempre web mensagens (1) Oração de Mary Cely (2) Orgulho II (1) Os Três Mal-Amados. (1) Oscar Wilde (1) Oscar Wilde Loucos e santos (1) OSHO (4) Osho. Ego (1) Otimismo (1) otimismo em rede (1) Outono(Marla de Queiroz) (1) P E D A L A N D O (1) Paciência Arnaldo Jabor (1) Paixão e Sonhos Celia macedo Mary Cely (1) Palavra Amor é (1) Palavras (1) Palavras ao tempo (1) Palavras ao Vento de Celia (1) Palavras ao Vento. (1) Para refletir (1) Para refletir: Uma boa lição... (1) Para você que tem amigos... (1) Parabéns "renunciar é preciso" (1) Passatempo "Poemas Por Tudo e Por Nada" de Casimiro Teixeira (1) Passeio Socráatico Frei Betto (1) Paulo Coelho (1) Pe:Fábio de Melo (1) PEDAÇOS DE UMA ALMA (1) Pedindo perdão. (1) Pensadores e Pensamentos (1) Pensamento (2) Pensamentos (3) Pensamentos de Mary Cely (1) Pensamentos de Mary Cely Essências (1) Pensamentos V (1) Pense antes de falar Web Mensagens (1) Pequena Rosalina Herai (1) Perdão (2) Perdão de Amigo Errado (1) Perdas (1) Perdoar é permitir que a vida continue (1) Perdoar se perdoando (1) Perdoe-me (1) Perfect (1) Perfumes e Rosas (1) Permita-se Web Mensagens (1) pessoal relato (1) Pior amor ou Amor bandido. (1) PIPOCAS DA VIDA (1) Poderia ser Diferente (1) Poema (1) Poema à Mãe (1) Poema da Rosalina Herai. (1) Poema de docecomomel (hgata) (1) Poema de amor – Colar de pérolas (1) Poema de Celia Macedo (2) Poema de Florbela Espanca (1) poema de Mar Cely Falar de amor (1) Poema de Mary Cely Borboletas (1) poema de Mary Cely Célia Macedo (1) Poema de Mary Cely Indomável Ser (1) Poema de Mary Cely Metade (1) Poema de Mary Cely Meu nome é Saudade (1) Poema de Mary Cely Meus filhos meu rumo (1) Poema de Mary Cely Negro é minha cor (1) Poema de Mary Cely Poesia é teu nome (1) Poema de Mary Cely Que Saudades (1) Poema de Mary Cely Sem pressa (1) Poema de Mary Cely Vem (1) poema de Mary Cely Você minha paixão (1) Poema de Quintana (1) poema de Rosalina Herai (1) Poema de Rosane Silveira Desabafo da alma (1) poema diverso Florbela Espanca (1) Poema diversos Cecilia Meireles (2) Poema do Amigo (1) Poema Mario de Andrade (1) Poema Paixão Bandida Marta Peres (1) Poema para Mary Rimulord (1) Poema Recomeço Thiago RP (1) Poema sensual de Mary Cely Loucuras de amor (1) Poema Sensual de Mary Cely.Louco desejo de te amar (1) Poema Um dia Amei Hilda (1) poema+ texto+videos Vamos dançar (1) Poemas (12) Poemas Aparecida G.telli (7) Poemas Aparecida G.telli. (2) Poemas Convite (1) Poemas da vida (1) Poemas de amizade (1) Poemas de Mary Cely (51) Poemas de Mary Cely A Essência da vida (1) Poemas de Mary Cely Alma Desnuda de um Amor (1) Poemas de Mary Cely Gotas de Saudade (1) poemas de Mary Cely Humildade Sempre (1) Poemas de Mary Cely Mulher Nordetina (1) poemas de Mary Cely O amor e o Luar (1) Poemas de Mary Cely Orvalho da manhã (1) Poemas de Mary Cely Solidão (1) Poemas de Mary Cely Somos um só corpo (1) Poemas de Mary Cely. Meus Momentos (1) Poemas de Mary Cely.Paginas Viradas (1) Poemas de Roberto Leal. (1) Poemas de Roberto Leal.:Abc da vida (1) poemas diversos Fernando Sabino (1) poemas Réu de Amor;J.G de Araujo Jorge (1) Poemeto de Amor Mary Cely (1) Poemeto de Célia Macedo (1) Poemeto de Mary Cely (1) Poeminha do contra Mario Quintana (1) Poeminha Sentimental Mario Quintana (1) Poesia de Edison Gil Eu deixei de Ser (1) Poesia de Mary Cely Mereço ser feliz (1) Poetizando a poesia (1) Poetrix I de May Cely Cores Almiscaradas (1) Poetrix de Mary Cely Agua fonte da Vida (1) Poetrix de Mary Cely Auseência e partida (1) Poetrix II Mary Cely (1) Poetrix Mary Cely A Rubra Rosa (1) Porque ser poeta (1) porque seu amor é fiel (1) Porta Aberta....Sempre (1) Porta aberta.Mary Cely (1) Postagem MIL (1) Posts 1004 (1) Preconceito è Crime (1) Preconceito racial (1) Priscila Rôde (1) Prosa poética Pura Sedução Mary Cely (1) Provérbio chinês (1) Quando educas (1) Que atire a primeira pedra quem não tem defeitos Web Mensagens (1) QUE BLOGUEIRO É VOCÊ? (1) Que é simpatia Casemiro de Abreu (1) Quintana (1) Quintana Poema e Poesias (1) Quintana Quintanares (2) Quintana Sempre Quintanares (1) Rachel de Queiroz (1) Raios de Luz (1) Ratazanas também Amam (1) RECEITA DE ANO NOVO (1) Reciprocidade (1) Reeditando (1) Refletindo...sobre a vida (1) REFLEXÃO (1) Reflexão e Momentos (1) Reflexão Livro da vida (1) Reflexão Perdas (1) Relacionamento amizade amor e companheirismo (1) Relacionamentos (1) Renata Fagundes (1) Renato Russo (1) Renunciar é preciso Reeditando (1) romance (1) Rosalina Herai (1) ROSAS E ESPINHOS... (1) Rubem Alves (1) Rubem Alves: O tempo e as jabuticabas ... (1) S.O.S Rio de Janeiro (1) Salvador (1) Sandices mórbidas (1) Sao sebastião.Homenagens (1) Sartre (1) Saudade Alice Ruiz (1) Saudade Web mensagens II (1) Saudade... (1) Saudades (3) Saudades Acróticos Celia Macedo (1) Saudades Apenas Saudades (1) Saudades de Ti (1) Saudades Ou Falta (1) Sean wilhelm (1) Segredo Secreto (1) Segredos (1) Sem conceitos (1) sem palavras (2) Sem palavras - MIRIAM LEITÃO (1) Sem stress Só Ressaca (1) SEMANA DE COMBATE À EXPLORAÇÃO SEXUAL (1) Sempre Avance (1) Sensual (2) SENTE SAUDADE DOS ANOS 80 (1) Sentimento mal resolvido (1) Sentimentos (2) Sentimentos e Poesias Caio F.Abreu (2) Ser ou não ser (1) Ser criança (1) Ser diferente Artur de Távola (1) Ser e Querer Mary Cely (1) Ser feliz (1) Ser melhor exige tempo... (1) Síndrome de Don Juan (1) Síndrome de Don Juan Posts: I (1) Sinto sua falta. web Mensagens (1) SÓ DÊ OUVIDOS A QUEM TE AMA (1) SOBRE ENVELHECER Web Mensagem Eduardo Quimarães (1) SOBRE O AMOR (1) Sociedade Dos Poetas Morto (1) Socorro fantasmas (1) Solidão (1) Solidão (Célia Macedo) (1) Solidão Francis Bacon (1) Sombra e Luz (1) Soneto de Mary cely Meus olhos tristes (1) Soneto Repentino (1) Sonetos de Mary Cely Paixao e Sonhos (1) Sonetos de Mary Cely Saudades de Amar (1) Sonetos de Mary Cely Sou poetisa sonhadora (1) Sonhose Vida (1) Sou Assim web Mensagens (1) Sou o reverso de mim mesma (1) Subindo pela escala musical (1) Sussurros D'alma. Mary Cely (1) Tati Bernadi Indignação (1) Tati Bernardi (4) Tatoo Buterfly (1) Te Amar é tudo que eu preciso... (1) Tempo (1) Tempo Fabio Junior (1) Tenho medo (1) Texto de Aparecida G.Telli (1) Texto de Mar CelySerá Merecimento? (1) Texto de Mary Cely (3) Texto de Mary Cely A música esconde paixões (1) Texto de Mary Cely Amor Próprio (1) Texto de Mary Cely Dias de Chuva (1) Texto de Mary Cely Indiferente ou Anjo (1) Texto de Mary Cely Nunca jamis desista de seus Sonhos (1) Texto de Mary Cely Perdas e Ganhos (1) Texto de Mary Cely Sonhar é preciso (1) Texto de Mary Cely Sonhos são o que? (1) Texto de Mary Cely Uma declaração de amor (1) Texto de Mary Cely Verbos e povérbios (1) Texto de Mary Cely (Celia Macedo) Cartas de Amor (1) Texto de Mary Cely 13 de maio ...liberdade (1) texto de Mary Cely A dança de meu sonhar (1) Texto de Mary Cely Amizade e Conviniência (1) Texto de Mary Cely Amor de Mulher (1) Texto de Mary Cely anseios Meus Desejos Seus (1) Texto de Mary Cely Carapulça (1) Texto de Mary Cely Cuidando do Jardim (1) Texto de Mary Cely Dando laços...sem Nós (1) Texto de Mary Cely Devaneios Desabafo (1) Texto de Mary Cely Devaneios dos Momentos. (1) Texto de Mary Cely Diga não as drogas .ame-se (1) Texto de Mary Cely Eterno é o Amor (1) Texto de Mary Cely Frgmentos de uma paixão (1) Texto de Mary Cely Meu Conceito ...É... (1) Texto de Mary Cely Meu conceito de perdão. (1) texto de Mary Cely Ressentimentos (1) Texto de Mary Cely S.O.S Meio Ambiente (1) Texto de Mary Cely Sem ganhos...Só perdas (1) Texto de Mary Cely Sol brilho e pessoas (1) Texto de Mary Cely Solidão (1) Texto de Mary Cely Tentando Acertar (1) Texto de Mary Cely Tristeza..Eu sinto (1) Texto de Mary Cely Um Ombro Amigo (1) Texto de MarY Cely Uma carta de desabafo (1) Texto de Mary Cely Vamos a vida que ela é curta. (1) Texto de Mary Cely Viva Amizade (1) Texto de Mary Cely.Medo de seu egoísmo (1) Texto e contexto de Célia Macedo (1) Texto Mary Cely;A vida de todos nós e video. (1) Texto reflexivo (1) Texto web Amor maduro (1) Textos da Web (2) Textos diversos Arnaldo Jabor (2) textos Mary Cely amenidades (1) Tião Carreiro (1) Timidez Cecília Meireles (1) Tô dentro (1) Tô Nem Aí (1) Todo o resto é secundário (1) Tradição dos Ovos de Páscoa (1) traz paz (1) Tristeza (1) Tristeza não tem fim (1) Trocadilhos I (1) Trocadilhos II (1) Trova de Mary Cely Luar (1) TU LEMBRAS DAQUELES GRANDES ESPELHOS... (1) Tudo tem seu preço Web mensagens (1) Um Acaso (1) Um dia (1) Um dia após outro 2ª parte (1) Um dia após outro.Ficção (1) Um dos maiores desafios da vida é acreditar que algo é possível (1) Um Facto (1) Um Pássaro a Morrer (1) UM PÁSSARO QUE POUSOU EM MIM + video (1) Um simples 'obrigado' basta (1) Uma Colisão (1) Uma gota Poema de Mary Cely (1) Valores Jovens e Pessoas. Texto de Docecomomel(hgata) (1) Vamos a Luta (1) Vamos mudar os planos (1) Verbo Ser Carlos Drumond de Andrade (1) Verdadeiras Amizades: (1) Veronica Shoffstall (1) Versos Simples Chimarruts (1) VIAGEM NO TREM Web Mensagens de otimismo (1) Vida (1) Vida Vida Vidinha minha (1) Video (1) Video de Reflexão (1) Video e bla bla de Mary cely (1) Video e letra musica Mary Cely (1) Video Menestrel (1) Video Michel Telõ.Poetrix Você e Eu Mary Cely (1) Video you tube (2) Videos (9) Videos Sensual (1) VideoTiririca Deputado (1) Violência Texto de SOS (1) Vital Farias (1) Vitória Luz (1) Viver de aparências Gi Stadnicki (1) Viver... (1) Voa Voa Meu pássaro Web Mensagens (1) Você (2) Você Amiga (1) Você é o que ninguém vê. (1) web mensagem .Via email (1) web Mensagens Como medir uma pessoa (1) Web Amenidades poemas Quem de Nós? (1) web amenidades pulseiras do amor (1) web bláblá (1) Web Charge (1) web curiosidades Perdoar para renovar (1) web descontração (1) Web diversidade Mistério Misterioso. (1) Web fragmentos (1) Web Mensagem (3) Web Mensagem A garrafa fe Vinho (1) Web Mensagem Marcas da Vida (1) Web Mensagem O Mal de Parkinson (1) Web Mensagem Tratamento Paliativo (1) web Mensagens (21) Web Mensagens Rosas (1) Web Mensagens A folha amassada (1) web mensagens A amante e a esposa (1) Web Mensagens A caricia e o iluminado (1) web Mensagens A Gravidez da Amizade (1) Web Mensagens A Pausa (1) web mensagens Adversidades (1) web mensagens Algumas vezes (1) Web Mensagens Amizade (1) web Mensagens amizades (1) Web Mensagens Arnaldo Jabor (1) Web Mensagens Beijando o Sapo (1) Web Mensagens Bobo Marley (1) Web Mensagens Bullying (1) Web Mensagens Carpinejar Fabricio (1) Web mensagens Conflitos Interiores (1) Web Mensagens Drumonnd (1) Web Mensagens em tempos de Solidão (1) Web mensagens Eu sei (1) Web Mensagens Karla Tabalipa (1) Web Mensagens O sol e o vento (1) Web Mensagens Osho (1) Web Mensagens Otimismo é vital (1) web Mensagens Pablo Neruda Teu riso (1) Web Mensagens Paulo Coelho Reflexão (1) Web Mensagens Perdas e Danos (1) Web Mensagens Porta (1) Web mensagens Quantas vezes (1) Web Mensagens Quem é seu amante (1) Web Mensagens quem somos nós (1) Web Mensagens Reflexo (1) Web Mensagens Saudades (2) web Mensagens saudades II (1) web Mensagens Uma História de Amor Impossível (1) Web Mensagens Universo Umbigo (1) Web mensagens Veríssimo (1) web mensanges (1) web mesnagens (1) Web Mnesagans Vinicius de Morais (1) Web Otimismo (2) web pensamerntos (2) web poemas Ausência Drumonnd sempre (1) Web Reflexão. A bola da Amizade (1) web textos Fernando Pessoa (1) Web Variedades (1) William Shakespeare (1) Yvonne Chaca Chaca África (1) Zíbia Gasparetto (1)
A palavra Psyché, em grego significa borboleta, entendida como sinónimo de alma. A borboleta simboliza a imortalidade da alma: